Ultimas Noticias

6/recent/ticker-posts

Enquete

PT discute fortalecimento de pré-candidaturas do Oeste da Bahia | Reconvale Noticias




Região estratégica para o PT Bahia, a Bacia do Rio Grande, um dos territórios do Oeste baiano, sediou neste sábado, 27, o Encontro Territorial da legenda em Barreiras com a presença de 14 dos 15 municípios. O objetivo foi alinhar estratégias, como a criação do Grupo de Trabalho Eleitoral (GTE) do Território, para fortalecer as pré-candidaturas de prefeitos e prefeitas, vereadores e vereadoras dessas cidades nas eleições de 2024. A reunião também foi importante para organizar ainda mais os Diretórios e intensificar as discussões com os movimentos sociais, sindicatos, a população LBTQIA+ e a juventude, dentre outros, e compreender quais as principais demandas para garantir a melhoria da qualidade de vida dos moradores e o desenvolvimento regional.

Estavam presentes na reunião deste sábado, membros da Executiva do PT Bahia – o vice-presidente Gutierres Barbosa, os secretários Liliane Oliveira e Silvio Lacerda -, representantes dos Diretórios Municipais, como a presidente do PT de Barreiras, professora Nilza Martins, o pré-candidato do PT no município, o ex-deputado federal Tito, os deputados estaduais Neusa Cadore e Robinson Almeida, o secretário de Estado Afonso Florence, o suplente de senador, Terence Lessa, o chefe de gabinete do senador Jaques Wagner, Lucas Reis, e Jonas Paulo, ex-presidente do PT estadual e membro do PT nacional.

O encontro foi necessário, ainda, para aprofundar o debate sobre a conjuntura local e fazer um diagnóstico geral da região, acrescentou a presidente do PT de Barreiras, professora Nilza. Na reunião, os diretórios municipais informaram a quantidade de candidaturas próprias que possuem, o número de candidatos a vereador ou vereadora, quais as forças com as quais o partido dialoga em cada cidade e o cenário da Federação PT, PCdoB e PV.


“Vamos fazer, pelo menos, um vereador ou vereadora em cada município, mas acredito que vamos ultrapassar isso pelo processo de organização pelo qual estamos passando”,disse a professora durante a mobilização.

Segundo a secretária de Mulheres do PT Bahia, Liliane Oliveira, a grande presença de representantes dos municípios é resultado do processo de mobilização de 2023, quando foram promovidos os Encontros Territoriais do PT Bahia.


“Então, por estímulo deles mesmo, por auto-organização do Território, construímos esse encontro. É um dos territórios mais importantes, pelo que representa, pela quantidade populacional, mas também uma retomada da nossa organização, das lutas sociais, populares que tem aqui nesse Território, que é tão rico, tão diverso. Para a gente, é uma arena de disputa muito importante e que estamos vindo agora com muita força nesse processo eleitoral”,afirmou Liliane, que ressaltou a força de candidaturas femininas na região.

Para o pré-candidato a prefeito de Barreiras, que também é novo filiado do PT, o encontro na Bacia do Rio Grande é uma excelente oportunidade para dialogar e estabelecer as estratégias eleitorais para o ano de 2024. “Além disso, é uma chance de construir políticas públicas de forma coletiva, visando estabelecer metas para frentes de trabalho que transformem a vida das pessoas. Estamos dedicados e unidos para combater a desinformação e o ódio, promovendo o bem-estar social de nossa comunidade”, disse Tito.

Secretário LBGT do PT Bahia, Silvio Lacerda, por sua vez, destacou a força do Encontro com a participação dos movimentos sociais e sindicais e de representantes da população LGBTQIA+, das mulheres, da população negra, dentre outros, no processo de organização. “Foi uma tarefa de não só de reorganizar e organizar os Diretórios Municipais do Partido dos Trabalhadores, mas também da gente fazer um debate com os movimentos, os sindicatos, as pastorais, com a população LGBTQIA+ da Bacia do Rio Grande, a juventude, o povo preto porque estamos em um momento de reconstrução e vamos precisar de todos esses segmentos e comunidades para que a gente consiga ter a vitória nas eleições de 2024, e por isso o contato e o debate com essas pessoas é tão importante”.

Postar um comentário

0 Comentários