O ex-governador de São Paulo João Doria afirmou que se arrependeu de ter apoiado o presidente Jair Bolsonaro nas eleições de 2018.




O ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB) afirmou que se arrependeu de ter apoiado o presidente Jair Bolsonaro (PL) nas eleições de 2018. Contudo, o tucano já declarou que votará nulo caso a disputa fique entre o ex-capitão e o ex-presidente Lula (PT) em outubro.
“Pela primeira vez na vida, se isso acontecer, vou anular o meu voto”, disse Doria em entrevista à revista Veja, publicada nesta sexta-feira (24). “Quase 60 milhões de brasileiros votaram em Bolsonaro. Foi um voto anti-­Lula. Como eu, há milhões de brasileiros arrependidos. Escolhemos o remédio errado para salvar o Brasil. O Brasil, de fato, ficou pior com Bolsonaro”, acrescentou.
O ex-governador também chamou Lula de populista e reconheceu que as chances de algum candidato da Terceira Via são pequenas. “A bipolarização se fortaleceu de tal forma que, lamentavelmente, o destino do Brasil é ser governado por um populista, de esquerda ou de direita. Lula e Bolsonaro não representam esperança para o Brasil”, disse.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem