Ultimas Noticias

6/recent/ticker-posts

Enquete

Com R$ 2,8 bilhões, Bahia tem maior investimento da história em Educação | Reconvale Noticias




Cerca de R$ 2,8 bilhões serão investidos na construção de novas escolas, reformas e restauração da infraestrutura educacional em toda a Bahia, através do projeto "Construir para Educar”. A iniciativa foi lançada pelo governador Jerônimo Rodrigues, na manhã desta quinta-feira (14/3), em um evento realizado no Museu de Arte Moderna (MAM), em Salvador.
As obras serão divididas em duas etapas e seguirão o modelo já adotado no Estado nos últimos anos, com alto padrão de engenharia, estrutura poliesportiva completa e espaços culturais que favorecem a educação em tempo integral.
O governador explicou que o projeto é mais uma iniciativa com o objetivo de contribuir com a qualidade da educação em todo o estado. “Nós estamos dando continuidade ao que foi iniciado no governo anterior e investindo para garantir a modernização, ampliação e qualificação das escolas baianas. Nós também vamos apoiar alguns municípios, porque acreditamos que é importante haver consonância entre a educação do ensino médio e a educação do fundamental”, pontuou Jerônimo.
As licitações para as obras serão publicadas no Diário Oficial do Estado, na sexta-feira (15). O projeto é realizado por meio de uma parceria entre as secretarias estaduais da Educação e do Desenvolvimento Urbano (Sedur), através da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder).
Ao todo, serão realizadas 80 intervenções, beneficiando mais de 55 mil estudantes de municípios distribuídos por 17 territórios de identidades na Bahia. A expectativa é que as obras gerem aproximadamente 9,8 mil empregos diretos e mais de 32 mil indiretos, contribuindo para impulsionar a economia do estado.
Para a secretária da Educação, Adélia Pinheiro, o projeto representa uma revolução na estrutura educacional, proporcionando um ambiente adequado e inspirador para os estudantes. "Essa transformação é essencial para equipar os alunos com as ferramentas necessárias para enfrentar os desafios do futuro. Ao investir nessas obras, não apenas melhoramos a infraestrutura das escolas, mas também abrimos portas para o desenvolvimento integral dos jovens, garantindo o acesso a uma educação de qualidade".
O prefeito Antonio Carlos, de Jacaraci, uma das cidades contempladas pelo Construir para Educar, afirmou que “as obras não apenas melhorarão as instalações educacionais, mas também abrirão oportunidades para nossos jovens alcançarem seu potencial máximo, preparando-os para enfrentar os desafios do mundo moderno e contribuir para o crescimento de nossa cidade e do estado como um todo."
Etapas
A primeira etapa do Projeto beneficiará 44 municípios, com um investimento de R$ 1,3 bilhão, contemplando a construção de 28 novas escolas, ampliação de 10 unidades, modernização de 26 escolas já existentes, além da reforma de outras 15 unidades escolares.
Dentre os projetos contemplados, destaca-se a construção do Centro de Educação Básica da UEFS II (CEB-UEFS) e a nova sede em tempo integral do Colégio Estadual Professora Maria Bernadete Brandão, em Salvador.
Na continuidade do compromisso com a educação, uma segunda fase do projeto "Construir para Educar" está programada para entrar em vigor, com um investimento adicional de aproximadamente R$ 1,46 bilhão em novas obras na área educacional.
Aprendizado integrado
Aliar conhecimento com atividades culturais e esportivas é uma estratégia fundamental do governo da Bahia para promover uma nova estrutura educacional. Entre 2023 e 2024, um investimento de R$ 1,4 bilhão foi destinado a essa iniciativa, com a construção de escolas, complexos poliesportivos e quadras cobertas, além da ampliação e reforma de unidades escolares existentes, restaurantes onde os alunos podem fazer até cinco refeições. Essa abordagem integrada visa proporcionar um ambiente propício ao aprendizado, enriquecendo a experiência educacional dos alunos, para uma formação completa.
A estudante do Colégio Estadual São Daniel Comboni, Lara Ribeiro Fernandes, de 15 anos, destacou a importância da estrutura adequada no ambiente escolar. “Hoje nós temos muitas oportunidades, um colégio que tem a quadra, o campo de futebol, os laboratórios e professores maravilhosos. Eu acho impressionante”, comentou a estudante.
Por Tácio Nascimento / Fotos: Manu Dias / Gov-BA

Postar um comentário

0 Comentários