Ultimas Noticias

6/recent/ticker-posts

Enquete

Tempestade solar ameaça internet em 2024. Entenda os riscos




Uma tempestade solar pode causar o “apocalipse da internet” em 2024. Parece até profético, mas é uma possibilidade real segundo um cientista dos Estados Unidos.


Isso porque o professor Peter Becker, da Universidade George Mason (Virgínia, EUA) alertou o mundo nesta semana sobre uma enorme tempestade solar e a possibilidade dela causar danos à infraestrutura tecnológica global!

O cientista é um dos responsáveis por desenvolver sistemas de alerta sobre atividades solares que possam prejudicar a tecnologia do mundo. Então não é nenhuma profecia o que ele está dizendo, já tudo está embasado em dados e estudos.

Segundo o professor: “A Internet atingiu a maioridade numa época em que o sol estava relativamente calmo e agora está entrando numa época mais ativa“.

Ele ainda disse que essa é a primeira vez na história que houve uma “convergência” entre o aumento da atividade solar com a dependência da internet pelo ser humano. Ou seja, bem quando a gente depende mais da internet, o sol resolve trabalhar mais!

E olha que já falamos da importância da internet aqui no canal várias vezes, inclusive, recomendo assistir nosso vídeo sobre cabos submarinos pra entender como funciona 99% da internet mundial!

Além das palavras do cientista, o Centro de Previsão do Clima Espacial da NOAA (Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos), diz que uma tempestade solar deve acontecer antes do previsto.


Uma atividade solar desse tamanho estava prevista para acontecer só em julho de 2025, mas parece que a fase mais intensa da tempestade vai atingir a Terra logo no ano que vem.

Caso essa onda solar realmente venha em direção à Terra no próximo ano, as autoridades vão conseguir nos avisar 18 ou até 24 horas antes das partículas chegarem no planeta e começarem a alterar seu campo magnético.

A última vez que uma tempestade solar de intensidade semelhante atingiu a Terra foi em 1859, em um episódio que ficou conhecido como “Evento Carrington”.

Na época, a internet nem existia ainda, mas a tempestade derrubou o sistema de telégrafos, faíscas estavam voando por toda parte nas linhas de comunicação.

Alguns operadores foram eletrocutados devido à alta voltagem carregada nos cabos por conta das variações do campo magnético, que se tornaram tão fortes que funcionou como um grande gerador.

Postar um comentário

0 Comentários