Ultimas Noticias

6/recent/ticker-posts

Enquete

Aprenda a se CADASTRAR no novo Minha Casa Minha Vida | Reconvale Noticias





Um dos maiores e mais famosos programas sociais que o governo federal brasileiro oferece, é o Minha Casa Minha Vida. Para quem ainda não conhece, o Minha Casa Minha Vida é um programa habitacional do Governo, que facilita o financiamento e a aquisição de imóveis, por cidadãos brasileiros baixa renda. Ao todo, mais de 14 milhões de pessoas conseguiram realizar o sonho da casa própria por meio do Minha Casa Minha Vida.
O programa, existe desde 2009 quando teve seu início no segunda mandato presidencial de Luiz Inácio Lula da Silva. Para esse ano de 2023, o governo federal juntamente com a Caixa Econômica Federal já revelou detalhes a respeito do programa.
Minha Casa Minha Vida 2023
Como muitos devem saber, os programas governamentais estão sempre sujeitos a mudanças de acordo com o passar do tempo, e claro, com mudanças no Governo. Entretanto, os últimos 4 anos foram mais significativos que períodos anteriores quando se tratam dessas modificações. Em 2021, por exemplo, o programa de transferência de renda oficial do governo brasileiro deixou de ser o Bolsa Família e passou a ser substituído pelo Auxílio Brasil.
Uma ocorrência similar, aconteceu com o Minha Casa Minha Vida. Durante o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro, o programa passou a funcionar sob novos requisitos de seleção e ganhou a alcunha de Programa Casa Verde e Amarela, mesmo ano da mudança no Bolsa Família.
Entretanto, com o retorno de Lula ao governo do Brasil, muitos desses programas sociais estão voltando às suas raízes, visto que a maioria teve implementação nos primeiros governos de Lula. E agora no início de um novo ano, e novo governo, as autoridades já deram o seu parecer para o funcionamento de muitas iniciativas governamentais, como o Minha Casa Minha Vida.
Neste ano, serão subsidiados imóveis em até 95% do seu valor original. Além disso, o programa deve priorizar famílias baixa renda, lideradas por mulheres e que possuam crianças que ainda estão no ensino básico.
Como fazer o cadastro do Minha Casa Minha vida?
Primeiramente, é importante lembrar que assim como todos os outros programas sociais do governo federal, para conseguir ser contemplado pelo Minha Casa Minha Vida, é necessário cumprir com os requisitos que o programa exige. Sendo assim, vamos conferir como realizar o seu cadastro para a edição do ano de 2023 do programa de habitação.
De antemão, é necessário primeiro comparecer até a prefeitura do seu município e solicitar a sua inscrição no plano de moradias. Feito isso, a Caixa Econômica Federal realizará uma análise dos dados fornecidos pelo candidato e assim, decidir ou não pela contemplação do seu pedido. Este processo de inscrição, entretanto, serve para famílias com renda de até R$2.640,00.
Para as demais faixas atendidas pelo programa, a inscrição ocorre de uma maneira um pouco diferente. Para estes casos, é necessário já ter o imóvel que deseja em mente e então, comparecer pessoalmente a uma agência da Caixa para simular possíveis financiamentos do imóvel e assim, conferir as possibilidades de ser aprovado dentro do programa. Lembrando também, que a renda para a Faixa 2 é de até R$4,4 mil mensais e para a faixa 3, até R$8 mil.

De acordo com o ministro das Cidades, Jader Filho, cerca de 15 mil unidades do Minha Casa Minha Vida serão distribuídas esse ano para o povo brasileiro. As inscrições do programa para 2023, já estão abertas!
Novos valores da Faixa 1 do Minha Casa, Minha Vida
Por fim, também é importante lembrar que o Ministério das Cidades publicou uma portaria regulamentando a retomada de obras paradas no programa.

Com isso, surgiu uma grande novidade também: o valor máximo das casas entregues para famílias da Faixa 1 (de renda mais baixa) aumentou.
O valor anterior era de R$ 96 mil e agora passou para R$ 140 mil em áreas urbanas. Em áreas rurais também houve mudança: de R$ 36,6 mil para R$ 60 mil.
Importante: esses valores acima serão para as casas que terão as obras retomadas.
Para as casas construídas do zero, o valor é melhor ainda:
Pode chegar a R$ 170 mil para as habitações urbanas;
R$ 75 mil para as rurais.
Fonte: Pronatec

Postar um comentário

0 Comentários