Com a bênção de Lula, PT lança chapa Jerônimo-Geraldo-Otto; veja como foi | Reconvale Noticias



Com a bênção do ex-presidente Lula, o PT lançou nesta quinta-feira (31), em Salvador, a chapa governista completa para as eleições majoritárias de outubro deste ano. Ex-secretário de Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues foi abençoado pelo líder petista como pré-candidato do grupo para o governo da Bahia. Presidente da Câmara Municipal de Salvador, Geraldo Junior (MDB), foi escolhido como o postulante a vice na chapa. E para completar os titulares da majoritária, o senador Otto Alencar (PSD) vai concorrer à reeleição no Senado Federal.
Em um discurso otimista, Jerônimo disse que o fato de ainda não ser conhecido pela maioria da população baiana, não será um empecilho para garantir a vitória na corrida eleitoral. “As pessoas ainda perguntam muito sobre mim, mas eu só tenho uma coisa a dizer: assim como Rui Costa foi uma surpresa, uma vitória e um sucesso, eu serei o governador da surpresa, da vitória e do sucesso”, afirmou.

Ainda no palco, Lula disse a Jerônimo que a corrida pelo Palácio de Ondina contra o pré-candidato ACM Neto (UB) "não será fácil", mas que tem certeza que ele será eleito como próximo governador. "Não será fácil, eles vão bater em você, investigar até o ventre da sua mãe para achar um defeito seu. Mas siga firme e se prepare que você será o próximo governador da Bahia", disse.

Vice na chapa, Geraldo Junior fez críticas à base do ex-prefeito ACM Neto (UB). “Estão me perguntando por que estou do lado de cá (base do governador Rui Costa). Estou do lado de cá porque aqui tem lado. Aqui tem Lula. Estou do lado de cá porque a história não registra covardes”, disse o recém-eleito presidente da Câmara de Salvador. As críticas de Geraldo Júnior são referentes ao fato de o pré-candidato ACM Neto não assumir o suposto apoio ao pré-candidato à presidência, Jai Bolsonaro (PL). Na última terça-feira (30), o governador Rui Costa (PT) afirmou que Neto seria amante de Bolsonaro por ter vergonha de assumi-lo.

O governador Rui Costa caiu no choro durante seu discurso no Wet'n Wild. Na oportunidade, Rui agradeceu o apoio do senador Jaques Wagner durante todos os anos de governo e descartou rumores de que havia rusgas entre eles. "Queria cumprimentar esse que começou a história da nossa caminhada na Bahia, o ex-governador e senador Jaques Wagner, que hã 7 anos e algums meses me disse 'siga e faça' e eu consgui fazer. Para aqueles que não acreditam em projeto coletivo, em amizade durada, em lealdade, em graditão, que tentaram plantart intrigas e fofocas. Quero afirmar para a Bahia que esse aqui é um amigo de 40 anos", afirmou o governador.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem