GERRA : Ataque russo deixa dezenas de mortos em base militar na Ucrânia | Reconvale Noticias




Ao menos 35 pessoas foram mortas por ataques com mísseis no campo de treinamento militar de Yavoriv, ​​na região ucraniana de Lviv e a 25 quilômetros de distância da fronteira com a Polônia, na manhã deste domingo (13), informou a administração regional de Lviv.
Ataques aéreos da Rússia atingiram o Centro Internacional de Manutenção e Segurança da Paz (IPSC), de acordo com a assessoria de imprensa do governo regional.
O governo informou que 134 pessoas ficaram feridas e estão no hospital. “O combate a incêndios e o desmantelamento de escombros estão em andamento”, acrescentou.
A IPSC é uma enorme base militar que inclui um centro de treinamento para soldados, predominantem.com/img/a/
Ao menos 35 pessoas foram mortas por ataques com mísseis no campo de treinamento militar de Yavoriv, ​​na região ucraniana de Lviv e a 25 quilômetros de distância da fronteira com a Polônia, na manhã deste domingo (13), informou a administração regional de Lviv.
Ataques aéreos da Rússia atingiram o Centro Internacional de Manutenção e Segurança da Paz (IPSC), de acordo com a assessoria de imprensa do governo regional.
O governo informou que 134 pessoas ficaram feridas e estão no hospital. “O combate a incêndios e o desmantelamento de escombros estão em andamento”, acrescentou.
A IPSC é uma enorme base militar que inclui um centro de treinamento para soldados, predominantemente para missões de paz.
De acordo com dados preliminares do governo regional, a Rússia disparou oito mísseis perto de Lviv. Várias explosões foram ouvidas pouco antes das 6h, horário local, perto da cidade, de acordo com uma equipe da CNN no local.
Os ataques ocorrem no momento em que as forças russas estão expandindo sua ofensiva na Ucrânia, rumo ao oeste. Na sexta-feira (11), forças russas atacaram aeroportos no extremo oeste do país, que anteriormente haviam sido poupados do conflito.
Houve danos substanciais no aeroporto de Lutsk, no noroeste da Ucrânia, a cerca de 110 quilômetros da fronteira polonesa. O governador da região de Volyn disse que quatro mísseis foram disparados de um bombardeiro russo e duas pessoas foram mortas na sexta-feira.
Nuvens de fumaça também subiram do aeródromo militar em Ivano-Frankivsk, no oeste da Ucrânia, que foi atingido por mísseis.
Lviv é um centro cultural da Ucrânia e o centro histórico da cidade é um Patrimônio Mundial da Unesco. É também um ponto de passagem para os deslocados pela guerra, com milhares de pessoas entrando na cidade para escapar de áreas bombardeadas em todo o país ou para chegar à fronteira polonesa, a cerca de 70 quilômetros de distância.ente para missões de paz.
De acordo com dados preliminares do governo regional, a Rússia disparou oito mísseis perto de Lviv. Várias explosões foram ouvidas pouco antes das 6h, horário local, perto da cidade, de acordo com uma equipe da CNN no local.
Os ataques ocorrem no momento em que as forças russas estão expandindo sua ofensiva na Ucrânia, rumo ao oeste. Na sexta-feira (11), forças russas atacaram aeroportos no extremo oeste do país, que anteriormente haviam sido poupados do conflito.
Houve danos substanciais no aeroporto de Lutsk, no noroeste da Ucrânia, a cerca de 110 quilômetros da fronteira polonesa. O governador da região de Volyn disse que quatro mísseis foram disparados de um bombardeiro russo e duas pessoas foram mortas na sexta-feira.
Nuvens de fumaça também subiram do aeródromo militar em Ivano-Frankivsk, no oeste da Ucrânia, que foi atingido por mísseis.
Lviv é um centro cultural da Ucrânia e o centro histórico da cidade é um Patrimônio Mundial da Unesco. É também um ponto de passagem para os deslocados pela guerra, com milhares de pessoas entrando na cidade para escapar de áreas bombardeadas em todo o país ou para chegar à fronteira polonesa, a cerca de 70 quilômetros de distância.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
-- Composite Start -->