Lula avisa que vai mudar política de preços da Petrobrás e que não pode enriquecer acionista e empobrecer dona de casa

Lula avisa que vai mudar política de preços da Petrobrás e que não pode enriquecer acionista e empobrecer dona de casa 




O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou nesta terça-feira (3) de manhã, em entrevista à Rede RDR do Paraná, que, uma vez eleito, irá acabar com a dolarização dos combustíveis. “Nós não vamos manter o preço da gasolina dolarizado. É importante que o acionista receba seus dividendos quando a Petrobrás der lucro, mas eu não posso enriquecer o acionista e empobrecer a dona de casa que vai comprar um quilo de feijão e paga mais caro por causa da gasolina”.

Na entrevista, Lula atacou o programa de fatiamento da Petrobrás que tornou o país em importador de gasolina dos EUA: “temos mais de 400 empresas privadas importando gasolina dos EUA enquanto nossa capacidade de refino está 30% ociosa”.

Ele atacou duramente Jair Bolsonaro pela entrega do patrimônio brasileiro e exclamou: “Bolsonaro fala da pátria amada. Pátria Amada para quem, cara pálida?"

1 Comentários

  1. Sério..., esqueceu de dizer que parte do valor pago às refinarias é para pagar o acordo com os investidores americanos, que ao saber quê foram ROUBADOS, entraram na justiça e venceriam, tendo inclusive, navio petroleiros sendo confiscados em alto mar. Mas essa parte ele esqueceu, assim como a fórmula do preço de pauta para cobrança de ICMS, inventado no RS, o estado mais socialista do Brasil.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem