Barragem ameaça moradores de Pará de Minas e mais 5 cidades | Reconvale Noticias

Barragem ameaça moradores de Pará de Minas e mais 5 cidades | Reconvale Noticias



População do entorno da hidrelétrica de Carioca está sendo retirada de casa; Prefeitura, Defesa Civil e Corpo de Bombeiros estão no local.
A prefeitura de Pará de Minas, na Região Central do Estado, emitiu alerta máximo para os moradores do entorno da Usina Hidrelétrica do Carioca na noite deste domingo (9/1). Segundo o Executivo Municipal, a estrutura, situada no distrito de Carioca, apresenta alto risco de rompimento.
Além de Pará de Minas, um eventual estouro afetaria as cidades de Pitangui, Onça de Pitangui, São João de Cima, Casquilho de Baixo, Casquilho de Cima e Conceição do Pará.
Nessas localidades, o poder público orienta aqueles que vivem abaixo da hidrelétrica, que pertence à empresa Santanense, a deixarem suas casas imediatamente."A situação é crítica. O dique verte água pela laterais e pelas bordas. Algumas fazendas estão alagadas", explica Sargento Oliveira, da 2ª Companhia do 10° Batalhão do Corpo de Bombeiros.
Equipes do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil montaram uma central de comando nas proximidades da barragem. De acordo com o Sargento Oliveira, as manchas do plano de ação da Santanense descartam o risco de água invadir a zona urbana de Pará de Minas ou das outras cinco cidades. Em caso de rompimento, o vazamento se estenderia por oito metros ficaria circunscrito aos sítios, fazendas e residências de quem vive às margens dos rios São João e Pará.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem