Derrubada de veto na Câmara de Vereadores mostra baixa na base aliada do prefeito de Brumado | Reconvale Noticias



O prefeito de Brumado, engenheiro Eduardo Lima Vasconcelos (PSB), teve o seu veto do projeto de lei 049/2021 derrubado na noite da última segunda-feira (04), na Câmara de Vereadores. O projeto de lei impede a nomeação de ficha suja no âmbito dos poderes executivo e legislativo. O veto 12/2021 foi rejeitado por 9x6 . O resultado da votação mostrou uma baixa na base aliada do chefe do executivo brumadense. Com oito vereadores que lhe dão sustentação no poder legislativo, dois votaram contra o seu veto. Por conta da votação nominal, ou seja, secreta, o grupo aliado de Vasconcelos está com as “orelhas em pé” para possíveis saídas de parlamentares do grupo político. Os articuladores do governo seguem em ofensivas em busca de descobrirem que são os vereadores que votaram contra a administração municipal e ajudaram a aprovar a proposta do vereador Alberto Elizeu de Jesus (PSB), o Beto Bonelly, que foi eleito no ninho governista e depois deixou a base aliada.



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem