Brumado: Wanderley Nem se defende de acusações de uso indevido de carros do legislativo



Em sessão legislativa realizada nesta segunda-feira (02), o vereador Wanderley Amorim da Silva (DEM), o Nem, se pronunciou a respeito das denúncias de uso indevido de carros da Câmara Municipal (veja aqui). O parlamentar explicou que esteve na cidade de Caetité reivindicando recursos hídricos para Brumado, visto que questões de extensão de rede de água são tradadas no município vizinho. Nem relatou que, na oportunidade, se reuniu com um possível pré-candidato a deputado a fim de viabilizar suas demandas. Em seu discurso, ele se disse vítima de perseguição da imprensa, que não checou a veracidade das informações ou ouviu a sua versão. “Desde quando ingressei na vida pública, sempre trabalhei para melhorar a qualidade de vida do nosso povo. Me entristeço porque não sei o motivo pelo qual sou tão perseguido. Infelizmente, nobres companheiros, hoje estou sendo vítima e amanhã pode ser qualquer um de vocês. As coisas estão sendo tratadas de forma degradante. Foi um ato sorrateiro”, acusou. O vereador ainda colocou que não estava envolvido em nenhuma disputa de licitação. “Se ali estava havendo licitação, o que eu tenho a ver com isso? Estava tratando assuntos para melhoria da qualidade de vida do nosso povo, como sempre fiz e vou continuar trabalhando. Foi para isso que o povo me elegeu”, enfatizou.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem