Prefeitura de Brumado dificulta vacinação dos bancários, diz sindicato



Após contato de bancárias e bancários da cidade de Brumado denunciando as dificuldades para vacinação contra a Covid-19, a diretoria do Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região retornou à cidade, na última sexta-feira (23), para mais uma tentativa de reunião com o prefeito Eduardo Lima Vasconcelos (PSB), e o secretário de saúde Cláudio Soares Feres e mais uma vez não foram recebidos. Esta foi a segunda tentativa de reunião no município só neste mês de julho. A outra tentativa foi no último dia 1º, quando estiveram na cidade para realização da manifestação que teve como objetivo denunciar os sete casos de contaminação apenas na agência do Banco do Brasil (veja aqui). Na oportunidade a diretoria solicitou o agendamento de uma reunião e até o momento a prefeitura não disponibilizou uma data para o encontro. “Estamos com um sentimento de muita frustração entre os Bancários e demais categorias de trabalhadores convocados para serem vacinados na última sexta-feira (23). Não foram disponibilizadas doses suficientes para todos, aliás não chegou a vacinar nem mesmo 5% dos aptos. Isso nos causa revolta e indignação, a Secretaria de Saúde de Brumado criou essa expectativa positiva e feliz entre os trabalhadores e em pouco tempo, pois acreditamos que assim como aconteceu em muitos outros municípios, seria nossa vez”, aponta Gabriel Caires, Delegado Sindical e bancário do Banco do Brasil. Na cidade a vacinação tem ocorrido a partir de distribuição de senhas no dia anterior. Com isso, na quinta-feira, bancários e bancários estiveram atentos ao horário para solicitação de senha. Com início de distribuição prevista para 17h, alguns trabalhadores relataram que no mesmo horário já não havia senha. Com isso nenhum bancário na cidade conseguiu ser vacinado.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem