Bruno Covas, prefeito de São Paulo, morre aos 41 anos, vítima de câncer | Reconvale Noticias

Tucano enfrentava câncer no sistema digestivo e estava internado desde 2 de maio no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, quando se licenciou do cargo. Ele deixa um filho de 15 anos.




Morreu neste domingo (16) o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), aos 41 anos, vítima de complicações de um câncer no sistema digestivo com metástase nos ossos e no fígado. Covas deixa um filho de 15 anos.

O gestor estava internado desde o dia 2 de maio no Hospital Sírio-Libanês, no Centro da capital paulista, para tratamento do câncer, mas enfrentava a doença desde 2019.

Com o afastamento de Covas do cargo, o vice-prefeito, Ricardo Nunes (MDB), assumiu a Prefeitura de São Paulo no último dia 4, inicialmente por 30 dias.

Bruno Covas assumiu a prefeitura de São Paulo em 2018, após a renúncia de João Doria (PSDB), de quem era vice. Em 2020, foi reeleito no segundo turno com 3.169.121 votos, o equivalente a 59,38% dos votos válidos.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem