#Bolsolão: Bolsonaro criou um orçamento secreto de R$ 3 bilhões para comprar parlamentares

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

#Bolsolão: Bolsonaro criou um orçamento secreto de R$ 3 bilhões para comprar parlamentares




O bicho pegou para o presidente Jair Bolsonaro. Foi descoberto um orçamento secreto de mais de R$ 3 bilhões destinado para a compra de parlamentares no Congresso Nacional.
A deputada Gleisi Hoffmann (PR), presidenta nacional do PT, chamou o esquema de “Bolsolão” (abreviatura de Bolsonaro + mensalão).
“Esquema de Bolsonaro criou um orçamento secreto de mais de R$ 3 bilhões para cooptar parlamentares. Ao invés de imunizar a população, Bolsonaro prefere bancar deputados e senadores para garantir apoio no Congresso. Genocida é pouco para nomear esse homem! #Bolsolao”, escreveu no Twitter a dirigente petista.
Segundo o Estadão, o esquema foi montado pelo presidente Jair Bolsonaro no final do ano passado para aumentar sua base de apoio no Congresso. O orçamento paralelo de R$ 3 bilhões em emendas, boa parte delas, destinada à compra de tratores e equipamentos agrícolas por preços até 259% acima dos valores de referência fixados pelo governo.
“Bolsonaro diz que não há dinheiro para pagar auxílio emergencial de R$600, cortou orçamento da Saúde e da Educação. Mas para atender a base aliada no Congresso, cria orçamento secreto de R$ 3 bi em emendas”, criticou o deputado Zé Neto (PT-BA).
O deputado Marcelo Freixo (PSOL-RJ), líder da Minoria na Câmara, disse que impetrou uma representação no TCU pra que seja investigado o “tratoraço” do governo Bolsonaro, o esquema que supostamente girou, às escondidas, R$ 3 BILHÕES pra compra de apoio de parlamentares e de tratores superfaturados.
“É imperativo investigar se o governo Bolsonaro escolheu montar uma base no Congresso em vez de garantir vacinas e, por isso, recusou imunizantes em 2020. Com os R$ 3 bilhões gastos na compra de apoio, daria para adquirir 58 milhões de doses da Pfizer na primeira oferta”, afirmou o deputado Alessandro Molon (PSB-RJ), líder da Oposição na Câmara, que também chamou o esquema de ‘Bolsolão’.

Postar um comentário

0 Comentários