Atiradores invadem praia de Salvador, entre Piatã e Patamares, e fazem pelo menos quatro mortos - Reconvale Noticias

Notícias de Última Hora

Atiradores invadem praia de Salvador, entre Piatã e Patamares, e fazem pelo menos quatro mortos





Como pode bandidos irem a praia para matar uma pessoa, como diz a polícia, e acabar matando quatro? Parece mais um atentado terrorista.
Segundo a polícia o alvo do atentado que deixou quatro mortos e duas pessoas baleadas na tarde desta terça-feira (5), na praia de Jaguaribe localizada entre Piatã e Patamares, era Lucas Santos da Cruz, de 27 anos. Ele foi atingido pelos suspeitos e morreu na hora. Segundo a Polícia Militar, os homens chegaram de moto, e dois desceram até a areia, onde deu início aos tiros.
Juliana era estudante de Biomedicina
Juliana sequer teve tempo de reagir a tudo que aconteceu ao seu redor: morreu sentada em uma cadeira de praia com um tiro na cabeça. Testemunhas contaram que seu corpo foi coberto por uma canga.
Uma outra vítima foi Igor Oliveira Lima Filho, de 16 anos. (Foto acima) O adolescente gostava muito de jogar futevôlei. A bola estava logo na descrição de uma das suas contas, como um cartão de visitas de um menino apaixonado pela redonda e o universo de magia que ela oferece.
Os familiares que acompanhavam Juliana ficaram ao lado do corpo da vítima. A mãe dela, Elenilce Alcântara, foi encaminhada para a UPA de Itapuã depois de ser atingida por um tiro de raspão. Ela já foi liberada.
Outras duas pessoas que estavam na praia foram baleadas e chegaram a ser socorridas para a Unidade de Pronto-Atendimento de Itapuã, mas não resistiram e morreram pouco após dar entrada na unidade de saúde. Uma delas é André Luiz Cunha dos Santo.
Em nota, a Secretaria da Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP/BA) afirmou estar indignada com o crime bárbaro e informou que determinou ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prioridade na investigação dos homicídios ocorridos. // CompartilhaBahia

Nenhum comentário