Eleições 2020: Zé Raimundo e Herzem Gusmão vão ao 2º turno em Vitória da Conquista - Reconvale Noticias

Notícias de Última Hora

Eleições 2020: Zé Raimundo e Herzem Gusmão vão ao 2º turno em Vitória da Conquista




A disputa pela prefeitura de Vitória da Conquista vai para o segundo turno. Os candidatos serão o ex-prefeito, Zé Raimundo (PT), que teve 47,63% dos votos válidos; e o atual prefeito Herzem Gusmão (MDB), que conseguiu o apoio de 45,89% dos eleitores. David Salomão (PRTB) alcançou 3,12%, sendo seguido por Romilson Filho (PP), com 1,76%, Cabo Herling (PSL), com 0,67%, Maris Stella (Rede), com 0,57%, e Professor Ferdinand (PSOL), com 0,37%. Radialista, Herzem Gusmão foi eleito em 2016, após 20 anos de gestões do PT em Conquista. Com um forte discurso antipetista, conseguiu superar Zé Raimundo no segundo turno, com 57,58% dos votos válidos. Nos últimos três anos, o emedebista colecionou enfrentamentos com o governo estadual e se aproximado cada vez mais do bolsonarismo, chegando a declarar apoio incondicional ao presidente da República. Natural de Pojuca, na Região Metropolitana de Salvador, o atual deputado estadual Zé Raimundo foi o prefeito conquistense entre 2002 e 2008. Agora, o petista usou o slogan “A Conquista do Futuro” para seduzir o eleitorado do município, que elegeu o partido por cinco vezes consecutivas entre 1996 e 2012. Essa dialética entre as boas lembranças de gestões passadas e a expectativa de uma cidade moderna esteve presente nos primeiros programas eleitorais do candidato na televisão. Herzem e Zé Raimundo construíram alianças partidárias robustas, garantindo a maior parte dos 10 minutos de programa eleitoral gratuito, tanto na TV quanto no rádio. Entretanto, outros cinco candidatos ao poder executivo municipal estavam na disputa: Cabo Herling (PSL), David Salomão (PRTB), Maris Stella (Rede), Professor Ferdinand (PSOL) e Romilson Filho (PP). Vitória da Conquista é o terceiro maior colégio eleitoral da Bahia, com 231.176 eleitores, sendo fundamental para a disputa estadual. O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), que visa as eleições para o governo do estado em 2022, chegou a participar de uma carreata no município conquistense junto a Herzem. Caso o PT vença, terá uma das maiores cidades da Bahia como base no interior.



Nenhum comentário