Notícias de Última Hora

5 motivos para abrir uma conta do Nubank durante a pandemia do coronavírus

O afastamento social causado pela covid-19 fez com que muitas pessoas repensassem seu estilo de vida e suas escolhas. Começamos a nos dar conta de que saímos de casa para coisas desnecessárias, agora que somos obrigados a resolver muitas questões virtualmente. 
Além disso, como a renda de muitos diminuiu, certos gastos começaram a ser questionados. Nesse cenário, as fintechs estão ganhando cada vez mais adeptos. Com suas contas digitais e cartões de crédito sem taxas, além de outras soluções financeiras, é possível fazer tudo online. 
É o caso do Nubank, que já está conquistando o coração dos brasileiros há alguns anos. Confira aqui neste artigo, cinco vantagens para você trocar o seu banco tradicional pela empresa do cartão roxinho. Ou seja, abrir uma conta do Nubank durante esse momento de pandemia.
1. Não precisar de filas
Para evitar a contaminação pelo novo coronavírus, é essencial não se aglomerar. Por isso, filas para resolver questões bancárias devem ser o último recurso. Com o Nubank, elas não são necessárias – e nem possíveis, já que a fintech não tem sedes físicas.
É possível pedir o seu cartão de crédito, abrir sua conta digital, bloquear seu cartão se necessário, esclarecer dúvidas, atualizar cadastros, fazer transações e obter ajuda do suporte pelo aplicativo. O atendimento do Nubank é rápido e, em poucos minutos, você terá uma pessoa online para lhe ajudar.
2. Você se livra das taxas
Anuidade de cartão de crédito, taxas para transferências, manutenção de conta… Essas cobranças estão ficando cada vez mais no passado com o crescente número de fintechs que oferecem taxa zero.
O Nubank oferece cartão de crédito sem anuidade, por exemplo. Ela só é cobrada se você desejar participar do programa de pontos Rewards. A conta digital também é totalmente gratuita e permite que você transfira para qualquer banco, pague boletos e recarregue seu celular. Além disso, o seu saldo na conta rende todos os dias conforme o CDI.
3. Receber o auxílio emergencial
Os R$ 600 pagos pelo governo podem ser transferidos diretos para a sua conta digital no Nubank. Quando estiver na conta da fintech, você pode usar o dinheiro para pagar sua fatura, pagar boletos, transferir para quem quiser ou mesmo deixar rendendo.
É possível pedir a transferência ou fazer o saque do auxílio na semana do dia 30 de maio, com dia exato dependendo do mês de seu nascimento.
4. Rendimento diário da conta do Nubank
Imagine poder investir seu dinheiro de uma forma fácil, online e ele render mais que a poupança. Deixar seu saldo no Nubank garante que ele renda 100% do CDI (uma taxa chamada Certificado de Depósito Interbancário). Diferente da poupança, o saldo do Nubank rede todos os dias, enquanto a primeira rende apenas no dia de seu aniversário, ou seja, quando completa um mês a mais.
Além disso, no app existe a função Guardar Dinheiro. Com ela, o seu dinheiro guardado não fica mais disponível para transferências e pagamentos, ou seja, fica separado do valor do dia a dia e você não se preocupa em gastar sua reserva sem querer. Não há nenhuma taxa a mais e o dinheiro pode ser resgatado a qualquer momento. Ele também rende 100% do CDI.
5. Controle dos gastos na palma da mão
É comum que, ao final do mês, fiquemos com aquela sensação de “onde meu dinheiro foi parar”? Bem, os clientes do Nubank sempre têm essa resposta. Seja as compras no débito ou no crédito, todas ficam disponíveis nos relatórios do aplicativo, com data, valor, local e a possibilidade de colocar tags.
Ou seja, com o app, você sabe exatamente como tem gastado seu dinheiro, confere os valores das faturas passados e futuras, verifica seus pagamentos de boletos e transferências e categoria seus gastos. Isso também vale para a versão no desktop, se você prefere usar o computador ou notebook.
Você também mantém o controle do seu dinheiro guardado e do quanto ele está rendendo. Ver a evolução do seu montante irá lhe estimular a guardar mais dinheiro e aumentar o seu capital para ganhar mais juros compostos.

Imagem: Nubank / Divulgação.

Nenhum comentário