Notícias de Última Hora

Bolsonaro chama coronavírus de “gripezinha” e coloca a vida de milhões de brasileiros em risco

Ao subestimar o impacto do coronavírus, que provoca medidas enérgicas em todo o mundo, Jair Bolsonaro contribui para um genocídio de grandes proporções no Brasil (vídeo)
 

                         (Foto: Isac Nobrega/PR)
 Em mais uma declaração em que minimiza a pandemia Coronavírus, já chamada diversas vezes por ele de “histeria”, nesta sexta-feira 20 Jair Bolsonaro chamou a Covid-19, doença causada pela infecção, de “gripezinha”, numa postura que coloca em risco a vida de todos os brasileiros, ao não levar a crise a sério.
“Depois da facada, não vai ser gripezinha que vai me derrubar, não. Tá OK? Se o médico ou o Ministério da Saúde recomendar um novo exame, eu farei. Caso contrário me comportarei como qualquer um de vocês aqui presente”, declarou Bolsonaro.
A fala aconteceu após ele ser questionado por jornalistas se faria um novo exame para detectar coronavírus.
Gripezinha. É assim que Jair Bolsonaro trata a pandemia que já matou 10 mil pessoas e que tem tornado o sistema de saúde dos países por onde passa um caos.
É assim que trata a doença que tem mobilizado líderes do mundo em passo de urgência.

Nenhum comentário