Header Ads

Breaking News

Aprenda a consultar o número do PIS/Pasep utilizando o CPF

Benefício é pago ao trabalhador de carteira assinada que ganhou no ano base (2018) renda mensal de até dois salários mínimos, entre outras regras.


A sigla PIS refere-se ao Programa de Integração Social, enquanto o Pasep ao Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público. Ambos os benefícios são vinculados aos trabalhadores, sejam eles de instituições privadas ou públicas. 

Atualmente, as contribuições de empresas e órgãos públicos vinculadas ao programa vão para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), responsável pelo pagamento dos benefícios como abono salarial e seguro-desemprego. 
Como saber o número do seu PIS/Pasep?

Para saber quanto há disponível no Fundo, o trabalhador deve consultar sua conta utilizando os números do PIS e do Pasep. A diferença entre os dois é que um é voltado para os funcionários de empresas privadas e o outro para os servidores de iniciativas públicas. 

No caso do PIS, muitas vezes, ele aparece sob a sigla NIS (Número de Identificação Social) e NIT (Número de Identificação do Trabalhador). Os números podem ser encontrados em alguns documentos, dos quais:
Extrato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS);
Carteira de Trabalho;
Cartão Cidadão (no caso do PIS);
Em agências da Caixa, na apresentação de documento oficial com foto (no caso do PIS);
Em agências do Banco do Brasil, na apresentação de RG e CPF (no caso do Pasep).

Outra maneira simples de consultar o PIS é através do número de CPF no site Meu INSS. Por lá, também é possível saber o tempo de contribuição e saldo disponível. Confira o passo a passo abaixo:
Acesse o site Meu INSS, de domínio do Governo Federal;
Selecione a opção “Entrar”, localizada no canto superior direito;
Clique em “Cadastre-se” e preencha os espaços com as informações solicitadas;
Vá na opção “Próxima” e anote a senha criada pelo sistema;
Para o login, informe seu CPF e a senha criada;
Ao acessar, é possível alterar a senha, ou se preferir, manter a criada automaticamente;
Para quem optar pela mudança, após a alteração, saia e entre novamente utilizando a nova senha de acesso.

Pronto! Os dados referentes aos números do PIS/NIT e NIS estarão no canto superior da página. 
Quem pode sacar o abono salarial em 2020?

O benefício social do PIS/Pasep funciona como um 14º salário para o trabalhador de carteira assinada que ganhou no ano base (2018) renda mensal de até dois salários mínimos. O piso do PIS/Pasep é de até um salário mínimo, este ano em R$ 1.045.

Além disso, para sacar, o trabalhador precisa:
Ter trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias (um mês) no ano base, nesse caso 2018.
Ter recebido como renda mensal a média de até dois salários mínimos;
Ter inscrição ativa no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos;
Estar com as informações atualizadas na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), de responsabilidade do empregador.

Nenhum comentário