Ultimas Noticias

Desabamento em Niterói contabiliza dez mortos e 11 feridos



Niterói sofreu uma nova tragédia neste sábado (10). Desta vez, no Morro da Boa Esperança, em Piratininga, na Região Oceânica, onde dez pessoas morreram e outras 11 foram retiradas com vida e levadas para hospitais. Por volta das 5h deste sábado (10), uma pedra se desprendeu do alto do morro e soterrou, pelo menos, sete imóveis e uma lanchonete. A região não era diagnosticada como de alto risco geológico dentro do mapeamento de risco do Departamento de Recursos Minerais do Governo do Estado (DRM), que norteia a atuação da Defesa Civil. 

Ainda não se sabe quantas pessoas ao certo foram atingidas, já que em um dos imóveis acontecia uma festa. Bombeiros de sete quartéis estão no local e devem trabalhar durante a noite na tentativa de encontrar novos sobreviventes. Aproximadamente 80 militares da corporação atuam na operação, que conta com o apoio de agentes da Defesa Civil do Estado e de órgãos da Prefeitura.O comandante do Corpo de Bombeiros, Roberto Robadey, disse que o município estava em estágio de alerta."Choveu muito em Niterói nos últimos dias. A orientação nestes casos é que as pessoas procurem locais seguros", disse.
O desastre, entretanto, não foi uma surpresa para quem mora na região. De acordo com o presidente da Associação de Moradores, Cláudio dos Santos, há cerca de um ano, houve um deslizamento de terra e de alguns imóveis e, na época, ele acionou a Defesa Civil, que condenou os imóveis que desmoronaram neste sábado. “Infelizmente, mesmo com a interdição, as pessoas não quiseram deixar as casas por não terem para onde ir. A pedra sempre foi uma preocupação da comunidade”, contou ele, afirmando que cerca de cinco mil pessoas vivem na comunidade.

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, estava viajando para Barcelona, onde discursaria pela Frente Nacional de Prefeitos. Logo ao sair do avião, ele recebeu a notícia e, segundo sua assessoria, está retornando para o Brasil. De lá, ele coordena a equipe.
Cerca de 200 profissionais da Defesa Civil de Niterói, secretarias de Obras, Conservação, Assistência Social, Saúde e Companhia de Limpeza estão na comunidade da Boa Esperança trabalhando de forma integrada com as equipes do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil Estadual no socorro às vítimas do rompimento do maciço. Agentes da NitTrans e da Guarda Municipal estão coordenando o acesso à região.
                        Fonte : www.osaogoncalo.com.br
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário