Ultimas Noticias

6/recent/ticker-posts

Enquete

Salvador está entre as 18 capitais em alerta contra dengue

Salvador é uma das 18 capitais brasileiras em situação de alerta para novas infecções por dengue. 
A informação consta do Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), divulgado na quinta-feira, 12, em Brasília. Segundo o estudo, outros 859 municípios do país estão na mesma situação e  340 correm risco de surto.
O LIRAa calcula o Índice de Infestação Predial (IIP) a partir da quantidade de imóveis onde são encontrados focos da doença, a cada grupo de 100 moradias.
Cidades que detectaram focos  em 1%  de 100% são consideradas como índice satisfatório; acima de 1% até 3,9%, são enquadradas como alerta; índices acima de 4% representam risco de surto de dengue. Salvador apresenta IIP igual a 2,2%.
Para a coordenadora do Programa Municipal de Combate à Dengue, Isabel Guimarães, o resultado  era esperado devido à instabilidade climática do verão.
"A mudança  frequente de temperatura nos primeiros meses do ano favorece a procriação do mosquito transmissor. Até março, o índice deve permanecer estável ou ter um pequeno aumento", alerta.
Para evitar surtos da doença, Isabel Guimarães afirma que reuniões semanais tem sido realizadas, desde outubro de 2014,  com os órgãos responsáveis pela saúde pública do município. O objetivo é discutir o plano de contingência e intensificar as medidas preventivas.
Entre as ações do plano, estão  abertura de imóveis fechados (que possam conter  água acumulada), controle vetorial e vistorias  em canteiros de obra, cemitérios, borracharias e outros locais  que possam favorecer a procriação do Aedes aegypti. 
Bahia
O Ministério da Saúde registrou, entre janeiro e fevereiro de 2015,  aumento de 139% nos casos de dengue no Brasil, em comparação a igual período de 2014. No entanto, a Bahia apontou queda de 16,89% nos casos, considerando o espaço de tempo citado.
Embora tenha havido uma redução nos dois primeiros meses do ano, o último boletim atualizado na segunda pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) mostra que 4.260 casos suspeitos foram registrados até a 11ª semana epidemiológica de 2015.
Em 2014, no mesmo período, foram notificados 4.042 casos. Isso representa um aumento de 5,39%.
Até agora, os dez municípios com maior número de casos notificados em 2015,  são: Ilhéus (1.120), Jequié (609), Itabuna (476), Salvador (350), Feira de Santana (185), Macaúbas (149), Cícero Dantas (109), Glória (77), Buritirama (68) e Vitória da Conquista (63).
Conforme o Ministério da Saúde,  em Itabuna (a 434 km da capital), Valente (a 239 km) e Campo Formoso (a 403 km), a situação é preocupante. Os IIPs registrados foram de 17,8%, 10,6% e 7,5%, respectivamente, e configuram risco de surto de dengue. Fonte/Foto: Atarde. Via Recôncavo News

Postar um comentário

0 Comentários