Ronaldinho terá que pagar R$ 100 mil de pensão para ex-noiva, diz jornal

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Ronaldinho terá que pagar R$ 100 mil de pensão para ex-noiva, diz jornal

Ronaldinho-e-Priscilla-Coelho-600x400

 


Priscila Alves Coelho, uma das ex-noivas de Ronaldinho Gaúcho, está perto de ganhar uma ação que move contra o ex-jogador. A mineira entrou com um processo para o reconhecimento de união estável e pediu uma pensão de R$ 100 mil por mês. De acordo com o jornal Extra, o pedido foi acatado pelo juiz.

A publicação entrou em contato com a jovem, que não confirmou o valor da pensão. Priscila, no entanto, disse que o dinheiro irá ajudá-la a resolver sua vida financeira, que teria sido “desmantelada após ter sido expulsa por ex-jogador da casa em que morava com ele e Beatriz”, a outra noiva.

“Pela primeira vez estou falando sobre esse processo porque agora existe uma decisão a ser cumprida. Ganhei a chance de receber pelo que passei em todos estes seis anos, e nos dois últimos principalmente. Meu advogado pediu equiparação ao mesmo estilo de vida que ele leva. Vou poder pagar minhas dívidas, seguir com meus planos e projetos. Agora, é questão de tempo para ele ser encontrado”, contou a jovem ao Extra. “A única pessoa naquela casa que trabalhava era eu. Porque até ele já se aposentou”.

Sobre o trisal, Priscila contou que não se envolvia sexualmente com Beatriz, apenas com Ronaldinho. “Me interessava apenas que minha família e meus amigos soubessem e entendessem isso. Nunca vi nosso acordo como algo de outro mundo. Tive uma relação heterossexual com o Ronaldo. Eu tinha meu quarto com ele, e a Bia o dela com ele. Não dormíamos todos juntos. Tudo o que houve entre nós foi às claras. Ele nos propôs uma vida de casados porque disse que não conseguia viver sem as duas e nós éramos amigas, nos dávamos bem”, explica.

O relacionamento, que durou seis anos no total, teve altos e baixos. Segundo Priscila, o ponto final aconteceu quando Ronaldinho recebeu uma chamada de uma suposta amiga que estava pelada no telefone. Quando foi confrontado, o jogador teria dito que “se ela não estava satisfeita, era só pegar as coisas e ir embora”.

Ronaldo chamou o segurança, mandou tirar o carro da garagem e quando saiu, Priscilla foi atrás dele. “Ele me jogou com toda a força no gramado da casa do vizinho. Aquilo foi tão surreal, tão imprevisível… Ronaldo nunca agiu daquela forma. Eu saí falando que tínhamos que conversar porque ele não tinha me achado no lixo, que eu não ia embora daquela forma. Passei a madrugada naquele canteiro, machucada, arranhada por espinhos, porque tinha uma roseira. Só voltei de manhã. Ele sumiu. Mandei mensagem. Ele perguntou se eu ainda estava lá e me bloqueou. Eu chorei até de tarde. Não comi. Eu estava sem chão. No fim, pedi a empregada, Graça, que me ajudasse, arrumei 11 malas, enfiei no meu carro e fui embora”, detalha.

Agora, ela diz que só quer receber o que lhe cabe (incluindo aí bens que foram adquiridos por ele após a união dos dois, ela garante) e fazer as pazes com o passado. “Não me arrependo de nada. Amei como talvez nunca ame outra pessoa. As pessoas viam o brilho no meu olhar”.

Postar um comentário

0 Comentários