Ultimas Noticias

Bolsonaro pode influenciar na construção do Terceiro Templo, dizem rabinos de Israel

Jair Bolsonaro, eleito novo presidente do Brasil, durante viagem a Israel. (Foto: Reprodução)
A eleição do novo presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, pode abrir caminho para a futura construção do Terceiro Templo, de acordo com a visão de alguns rabinos israelenses.
Em sua campanha eleitoral, Bolsonaro elogiou abertamente o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Semelhantemente ao líder americano, ele prometeu que irá transferir a embaixada brasileira em Israel de Tel Aviv para Jerusalém.

Os líderes também concordam no posicionamento em relação à Palestina. Assim como a administração Trump anunciou o fechamento do escritório da Organização para a Libertação da Palestina (OLP) em Washington, Bolsonaro pretende fechar a embaixada da Palestina em Brasília.

A eleição de Bolsonaro sinaliza uma mudança nas relações entre Brasil e Israel que podem estar não apenas no campo político, mas também espiritual. Segundo o rabino Hillel Weiss, uma conexão entre a América do Sul e o Terceiro Templo aparece na profecia bíblica.

Para isso, ele citou Isaías 60:9-10: “Pois as ilhas esperam em mim; à frente vêm os navios de Társis, trazendo de longe os seus filhos, com prata e ouro, para a honra do Senhor, o seu Deus, o Santo de Israel, porque ele se revestiu de esplendor. Estrangeiros reconstruirão os seus muros, e seus reis a servirão. Com ira eu a feri, mas com amor lhe mostrarei compaixão”.

O rabino Weiss explica que Társis, localizada atualmente na Espanha, representa o mundo que fala espanhol. “Os primeiros a reconhecerem Jerusalém de acordo com os propósitos do Messias e do Terceiro Templo são os falantes de espanhol”, disse Weiss.

Ele observou que a profecia de Isaías pode ser vista como “arrependimento” por parte daqueles que fizeram parte da Inquisição Espanhola, que puniu pessoas consideradas hereges e forçou judeus e muçulmanos a se converterem ao catolicismo.

“Os filhos dos seus opressores virão e se inclinarão diante de você; todos os que a desprezam se curvarão aos seus pés e a chamarão cidade do Senhor, Sião do Santo de Israel”, diz Isaías 60:14.

“O Novo Mundo (continente americano) foi aberto para a Espanha e Portugal como resultado da Inquisição por Cristóvão Colombo, que era um descendente de anussim (judeus convertidos à força ao cristianismo)”, observou o rabino. “A construção do Terceiro Templo pelos descendentes dos inquisidores é o seu teshuvá (arrependimento) pelo que fizeram na Inquisição”.

Papel da América Latina

O Sinédrio de Israel está trabalhando ativamente para a América do Sul ter seu lugar na construção do Terceiro Templo. Em setembro, o Sinédrio sediou o evento “Creation Concert”, onde representantes da Guatemala, Honduras e México assinaram uma declaração com a intenção de desempenhar seu papel profético em Israel.

“Agora oramos para que todos os países que falam espanhol e português se conectem com o retorno a Sião, com arrependimento físico e espiritual”, dizia uma carta enviada pelo Sinédrio à Guatemala no último mês.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário