Ultimas Noticias

POLICIAL MILITAR DECLARA APOIO A HADDAD EM MENSAGEM HISTÓRICA E EMOCIONANTE



No momento em que bolsonaristas matam um capoerista em Salvador, ameaçam uma jornalista em Recife, agridem a irmã de Marielle Franco no Rio de Janeiro e disseminam uma onda de terror no Brasil contra a democracia, o policial militar Leandro Prior diz um basta histórico. "Alguém que tenha concepções cristãs como a da morte do próximo ou da Tortura e a de que eu não levei uma surra suficiente para não deixar de ser homossexual não merece o meu respeito, o meu apreço e nem tão pouco a minha continência. Jurei pela vida, pela integridade física e pela dignidade da pessoa humana e vou continuar defendendo tudo aquilo que jurei defender", diz ele
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário