Ultimas Noticias

Urgente: médicos descobrem novo problema em Bolsonaro e cancelam alta às pressas

O Globo
Novamente, a alta do candidato Jair Bolsonaro, do PSL, foi cancelada pelos médios do Hospital Albert Einstein, em São Paulo. A informação foi confirmada pelos especialistas nesta quinta-feira, 27, e foi feita às pressas, já que até então a expectativa era de que Bolsonaro tivesse alta nesta sexta-feira, 28 de setembro. 
Saiba o que fez alta de Bolsonaro ser cancelada por médicos

A previsão agora é que o candidato à presidência tenha alta apenas no sábado ou domingo, 30. Os médicos também já confirmaram que Jair Bolsonaro não tem liberação para participar dos debates na televisão. Isso porque, se ele falar por muito tempo, pode acabar criando gases dentro do estômago.

A orientação é que Jair Bolsonaro se cuide e descanse, recuperando assim totalmente da facada que levou durante um atentado na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais.

No entanto, o que motivou o cancelamento da alta de Jair Bolsonaro foi um outro problema. Médicos descobriram que ele está com uma grave infecção e, por isso, julgaram ser mais providente que o candidato se tratasse com antibióticos. Com isso, o cuidado será feito no próprio Hospital Albert Einstein, onde Jair Bolsonaro está internado há 20 dias.
A continuidade dos antibióticos é porque, segundo os médicos, foi constatada uma infecção bacteriana, diagnosticada após a retirada do cateter. Ainda de acordo com a equipe de saúde, normalmente, assim que é retirado, a ponta do cateter é analisada para verificar se há confirmação de bactéria. Em caso positivo, é retomado o tratamento à base de antibióticos.
                          Fonte : www.1news.com.br
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário